Casa Pia quer provar com o Gil Vicente que derrota com Estoril foi “um mau dia”

O treinador Filipe Martins assegurou hoje que o Casa Pia quer provar frente ao Gil Vicente, na 17.ª jornada da I Liga de futebol, que o desaire com o Estoril Praia (2-0) foi apenas “um jogo menos conseguido”.

Casa Pia quer provar com o Gil Vicente que derrota com Estoril foi

Casa Pia quer provar com o Gil Vicente que derrota com Estoril foi “um mau dia”

O treinador Filipe Martins assegurou hoje que o Casa Pia quer provar frente ao Gil Vicente, na 17.ª jornada da I Liga de futebol, que o desaire com o Estoril Praia (2-0) foi apenas “um jogo menos conseguido”.

“Nunca encontramos desculpas, mas também nunca é fácil uma semana de trabalho com três jogos e, em dois deles, tivemos de jogar praticamente uma parte com menos um jogador”, disse, acrescentando: “Esta semana foi mais normal. Creio que vamos dar uma boa resposta e provar que apenas foi um jogo menos conseguido”.

Em conferência de imprensa, o técnico sublinhou que a primeira parte, no reduto dos estorilistas, foi “muito abaixo do normal” e, assim, tiveram de abordar pontos onde não estiveram tão bem, para melhorar nesta partida, perante um Gil Vicente que procura recuperar e descobrir estabilidade na classificação.

“O Gil Vicente, este ano, sofreu o que muitas equipas já sofreram. Começou a época a jogar num contexto europeu, com grandes objetivos e, depois, há alguma dificuldade em cair na realidade da I Liga. Muitas vezes, não é fácil mudar o ‘chip’ e foi um bocado essa síndrome que o Gil Vicente passou na fase inicial. Os resultados têm melhorado, mas não vamos olhar a isso. Respeitamos o adversário, tem muita qualidade individual e vai criar-nos dificuldades, mas estamos preparados para elas”, expressou o treinador.

Esta semana, foi oficializada a contratação do internacional japonês Yuki Soma, vindo do Nagoya Grampus, para colmatar a lesão prolongada do extremo brasileiro Léo Natel nesta segunda metade da época, e Filipe Martins está “muito satisfeito” com o plantel.

“A primeira abordagem foi muito positiva. É um miúdo muito extrovertido e integrou-se muito bem no grupo. A qualidade dele vai depender da adaptabilidade ao futebol europeu. Estou muito esperançoso que ele nos vá trazer a qualidade que o Léo Natel trouxe ao grupo. Estou muito satisfeito com este plantel neste momento”, sentenciou.

O defesa central bósnio Zolotic marcou também presença na sala de imprensa, onde corroborou as afirmações de Filipe Martins, reforçando a ideia de que o Casa Pia quer mostrar que o duelo com o Estoril Praia “foi apenas um mau dia” da turma casapiana.

“Esta semana foi normal, tivemos mais tempo para descansar e preparar o jogo com bola. Vamos jogar contra uma equipa muito boa, estamos preparados e vamos em busca de resultados positivos”, frisou o habitual titular num esquema de três centrais.

O Casa Pia, quinto classificado na I Liga portuguesa de futebol, com 27 pontos, recebe no domingo o Gil Vicente, 15.º, com 15, no Estádio Nacional, em Oeiras, pelas 18:00, em partida da 17.ª ronda, com arbitragem de Manuel Oliveira, da associação do Porto.

 

DYRP // PFO

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS