IL/Convenção: Proposta de candidato José Cardoso para incluir segunda volta não foi admitida

A proposta do candidato à liderança da IL José Cardoso, que pretendia incluir no Regimento a possibilidade de uma segunda volta, não foi hoje admitida a discussão, decisão tomada pela Mesa e ratificada pela Convenção.

IL/Convenção: Proposta de candidato José Cardoso para incluir segunda volta não foi admitida

IL/Convenção: Proposta de candidato José Cardoso para incluir segunda volta não foi admitida

A proposta do candidato à liderança da IL José Cardoso, que pretendia incluir no Regimento a possibilidade de uma segunda volta, não foi hoje admitida a discussão, decisão tomada pela Mesa e ratificada pela Convenção.

A Convenção ratificou a decisão da Mesa de não admissão com 779 votos a favor, 133 contra e 176 abstenções.

A presidente da Mesa do Conselho Nacional, Mariana Leitão, explicou que este órgão tinha decidido por unanimidade recusar o requerimento de José Cardoso, por considerar ser contrário aos estatutos que não permite “mudar as regras a meio do jogo”.

Por outro lado, a Mesa pediu ao Conselho de Jurisdição um parecer para validar esta decisão, o que foi confirmado.

A dirigente liberal alertou que, se fosse adotado um procedimento contrário aos estatutos, a Convenção poderia ser impugnada, incluindo as eleições que decorrem no domingo.

No entanto, e como das decisões da Mesa cabe sempre recurso para a convenção, foi votado no plenário da reunião magna a ratificação desta decisão de rejeitar o requerimento de José Cardoso.

Mariana Leitão lembrou que o Regimento da Convenção foi aprovado em novembro, num longo Conselho Nacional, e que esta proposta da segunda volta já tinha sido rejeitada nessa ocasião.

“Haverá revisão dos estatutos, hoje temos de cumprir os estatutos e o respeito pelas regras é o principio fundamental do liberalismo”, defendeu.

O candidato à liderança da IL José Cardoso propôs um Regimento alternativo ao que foi aprovado em Conselho Nacional para incluir a possibilidade de uma segunda volta, caso nenhum dos três candidatos obtenha mais de 50% numa primeira eleição.

De acordo com o regimento à convenção que foi aprovado em Conselho Nacional no início de novembro do ano passado, “é aprovada como Moção de Estratégia Global pela Convenção Nacional, a Moção que obtiver a maioria simples dos votos” e “a lista proponente da Moção de Estratégia Global mais votada é eleita como Comissão Executiva”.

A VII Convenção da Iniciativa Liberal decorre entre hoje e domingo, no Centro de Congressos de Lisboa, e os cerca de 2.300 membros do partido inscritos na reunião magna vão eleger o sucessor de João Cotrim Figueiredo na liderança do partido, que nas últimas legislativas passou de um para oito deputados.

Na primeira convenção eletiva da história da IL (fundada em 2017), disputam a presidência da Comissão Executiva Rui Rocha e Carla Castro, ambos deputados e membros da direção cessante, e o conselheiro nacional José Cardoso.

SMA/JF/ARL // ACL

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS