Simon Leviev, o Impostor do Tinder, vítima… de burla

Simon Leviev, o burlão que inspirou o documentário Impostor do Tinder, da Netflix, foi recentemente vítima de fraude na internet.

Simon Leviev, o Impostor do Tinder, vítima… de burla

Simon Leviev, o burlão que inspirou o documentário Impostor do Tinder, da Netflix, foi recentemente vítima de fraude na internet.

Simon Leviev, o burlão que inspirou o documentário Impostor do Tinder, da Netflix, foi recentemente vítima de fraude na internet, após acreditar num casal que prometia contas verificadas no Instagram para si e para a namorada. Fontes próximas de Simon revelaram ao site TMZ que a situação teve lugar na passada, 24 de fevereiro. Foi prometido ao israelita e à namorada, Kate Konlin, que teriam os perfis verificados nas redes sociais por um ex-funcionário da empresa Meta (ex-Facebook), de Mark Zuckerberg.

LEIA DEPOIS
Mulher revela como escapou ao Impostor do Tinder

Simon Leviev ‘caiu’ em burla que ele próprio usou

Ironicamente, à semelhança do que fez com as mulheres que enganou, Leviev esteve em contacto por videochamada com o casal, que mostrou estar num escritório muito movimentado. Foi então que, convencido de que estava a lidar com pessoas sérias, fez uma transferência de mais de cinco mil euros para poder ter o símbolo azul nos perfis de ambos: dele e de Kate. O agente de Simon Leviev desconfiou do casal e entrou em contato com um membro da equipa da Meta, que explicou prontamente que para obter verificação não é necessário qualquer tipo de pagamento. Mas já era tarde. O casal de burlões apagou a conta e nunca mais deu sinal de atividade. Ainda assim, Simon e a namorada conseguiram obter verificação graças ao contacto com um diretor da referida empresa.

LEIA AINDA
Anna Delvey, a falsa herdeira que enganou os poderosos da bolsa

Impala Instagram


RELACIONADOS